Ecocardiografia Fetal – O mistério do Golf Ball

Golf Ball é o termo atribuído ao foco ecogênico intracardíaco observado na ultrassonografia obstétrica.  É uma estrutura pequena, arredondada, aderida ao músculo papilar ou às cordoalhas das valvas mitral e tricúspide, com ecogenicidade semelhante à do osso.  Sua primeira descrição decorre de 1987 com relato de foco ecogênico no interior do ventrículo esquerdo.  Provavelmente consiste numa variação normal do desenvolvimento do músculo papilar porém sua etiologia ainda é incerta.

O Golf Ball se localiza mais frequentemente no ventrículo esquerdo (90%), podendo ser visualizado também no ventrículo direito ou bilateralmente.

É observado entre 0,5 e 20% dos fetos com freqüência média de 5,6%.

Isoladamente não é considerado fator de risco.  Estudos recentes não evidenciaram associação de Golf Ball isolado com aneuploidias em gestações de baixo risco.  Também não foi comprovado associação com defeitos cardíacos pré ou pós-natais.  Porém quando associado a outras alterações morfológicas como translucência nucal elevada, cisto do plexo coróide, hiperecogenicidade intestinal, ossos curtos, pieloectasia renal, pode ser considerado marcador adicional para aneuploidias fetais como trissomia 21 (síndrome de Down) e trissomia 13 (síndrome de Patau).

A mais recente meta-análise sobre esse tema foi publicada esse ano (2017) por um grupo da Espanha, avaliando 25 estudos.  A freqüência de foco ecogênico variou de 0,5 a 20% da população estudada sendo verificado entre 4 e 5% dos fetos cromossomicamente normais e entre 11 e 18% dos fetos com síndrome de Down.  Não foi demonstrada associação de Golf Ball isolado com aneuploidias em gestações de baixo risco.

A ecocardiografia fetal é recomendada para avaliação do Golf Ball com objetivo de avaliação estrutural e funcional do coração.  É importante o reconhecimento do foco ecogênico e sua diferenciação com outras anomalias intra-cardíacas como tumores e fibroelastose endocárdica.

 Artigo escrito pela Dra. Vanessa Canuto, responsável pelo curso de Ecocardiografia Fetal, da UNIECO.

curso_ecocardiografia_fetal

Esta entrada foi publicada em Geral e marcada com a tag , , , , , , , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>